Just in Time: o que é e como pode beneficiar sua organização

Tempo Estimado de Leitura: 5 minutos

Se há alguma coisa unânime entre consumidores, é não gostar de esperar, certo? Pois o assunto desta postagem em nosso blog tem tudo a ver com isso. A metodologia Just in Time vai ao encontro dessa premissa, já que trata de produzir e entregar um produto exatamente no tempo certo.

Caso queira saber um pouco mais sobre Just in Time e descobrir como esse método pode beneficiar a sua organização – seja ela uma empresa privada ou órgão público –, leia este texto até o fim. Vamos lá?

O que é Just in Time

Traduzida literalmente, a expressão em inglês Just in Time significa “no tempo exato”, mas as formas normalmente utilizadas em português para se traduzir o termo são “no momento certo” ou, mais simplesmente, “na hora certa”.

Com origem no Japão enquanto modelo de gestão para reduzir estoques e custos em geral, o Just in Time (JIT) é uma metodologia – inicialmente uma filosofia – segundo a qual um produto deve ser produzido, transportado e mesmo comprado na hora certa.

Mas o que, essencialmente, caracteriza esse método? Vejamos a seguir.

Principais características

A metodologia Just in Time (JIT) possui um conjunto de características para ser reconhecida como tal. Confira algumas das principais.

Layout celular

Uma disposição de máquinas ou bancadas em formato de “U” deixa as extremidades de uma linha de produção mais próximas, proporcionando uma comunicação mais efetiva entre os colaboradores das denominadas células de produção.

Materiais dispostos de acordo com o processo

Com a utilização do JIT, cria-se um fluxo na organização, facilitando o movimento de materiais e otimizando o processo.

Controle de qualidade na fonte

O controle de qualidade é transferido para a produção, adaptando-se princípios de controle da qualidade total, de modo que redução de estoque e resolução de problemas promovam um ciclo de melhoria contínua.

Colaboradores multifuncionais

O Just in Time prioriza operadores que se adaptam a qualquer ambiente ou função, para que, justamente dentro de uma célula produtiva, eles possam trocar de postos de trabalho.

Principais objetivos

Eliminar ou reduzir drasticamente desperdícios e prejuízos – bastante comuns em empresas ou órgãos públicos que ficam com excesso de produtos em estoque por falta de rotatividade – está entre os objetivos do método Just in Time.

Chegar ao ponto de zerar os defeitos em produtos ou processos, o tempo de preparação, bem como estoque e movimentação afigura-se como algo utópico. Por isso, o que realmente conta no JIT é a organização perseguir tais objetivos, de modo a, por meio de melhorias contínuas, aproximar-se tanto quanto possível deles.

Assim, promove-se a melhoria constante de processos, por meio da padronização de ações e da criação de políticas modernas, reduzindo estoques, identificando falhas na produção e atendendo a demanda dos clientes, que recebem seus produtos no tempo certo.

Vantagens x Desvantagens

A principal vantagem do Just in Time é a redução dos estoques, já que materiais demandam espaço e colaboradores dedicados a controlar os produtos. Vejamos outras a seguir:

• Conversão rápida de materiais;
• Redução do trabalho em processos;
• Resposta ágil a problemas;
• Aumento de qualidade;
• Diminuição de desperdício e retrabalho;
• Resposta mais adequada ao mercado.

Quanto às desvantagens do método, a principal é que não se aplica a qualquer modelo de organização. Por exemplo, empresas que não possuem um processo de produção com uma demanda previsível e que sofrem com grandes oscilações em demanda por produtos.

Outro aspecto é se ocorrerem falhas no fluxo de produção. Utilizando uma metodologia que dispensa os estoques, os fornecedores internos e externos podem ficar desabastecidos. Entretanto, isso só ocorrerá se houver falhas na aplicação do Just in Time.

Também, devido às características do JIT, para que haja um bom desempenho do método é necessário haver treinamentos para a execução. Nesse sentido, pode se tornar uma desvantagem o valor aplicado na preparação de colaboradores.

Como um sistema ajuda no Just in Time

Considerando que a metodologia Just in Time requer uma programação rigorosa, sobretudo quanto ao fluxo de recursos direcionados ao processo de produção, um sistema de gestão certamente será um grande aliado.

A automatização de rotinas auxiliará no controle dos processos produtivos, evitando, por exemplo, que se compre além do necessário ou se produza mais do que a demanda requerida.

Em empresas privadas

Um bom sistema de gestão oferece, por exemplo – em termos de gestão da produção – o planejamento dos materiais, que pode ser baseado em ordens de produção em aberto ou com base no planejamento da produção, sendo que este pode ser planejado por pedidos de venda, por demanda e histórico de movimentação dos produtos.

A ideia principal é disponibilizar e gerar solicitações de compras, a fim de adquirir somente as matérias-primas necessárias para a produção, sempre se baseando em ordens de produção em aberto ou nas demandas/históricos de produção/venda dos itens, o que é fundamental para o JIT.

Em órgãos públicos

No que diz respeito a gestão de compras, tanto para empresas quanto para organizações públicas, um sistema de gestão oferece o planejamento de compras, cujo propósito é planejar a demanda com base em históricos de consumos/vendas, considerando o prazo de ressuprimento do fornecedor, quantidades mínimas de aquisição e prazo para a previsão da demanda.

Em ambos os casos, o software garante uma projeção para que nunca falte produto e não seja adquirido uma quantidade superior à demanda dentro do prazo estipulado, evitando desperdício e mantendo sempre disponível apenas o produto necessário, fator primordial no JIT.

Conclusão

Portanto, organizações que visam à implantação do Just in Time precisam utilizar um software de gestão de modo a planejar cada etapa do processo de armazenamento e/ou produção, automatizando várias tarefas relacionadas ao processo e, o melhor, com integração dos setores da organização, tais como compras e vendas, dentre outros.

E se você quer saber mais sobre a importância e os benefícios dessa integração para uma empresa ou órgão público, recomendamos a leitura do nosso texto sobre Sistema de Gestão Integrada.

Agora que você já sabe o que é a metodologia Just in Time – entendendo também a importância de um sistema que ajude a implementá-la – você está convidado a conhecer as soluções da System Sistemas de Gestão, que conta com soluções de gestão inovadoras e fáceis de usar.

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Rolar para cima