PowerBI & System

Conjuntos de Dados

Formas de Apuração


Por Quantidade:
Definirá obrigatoriamente e automaticamente a Forma de Apuração por Produto, pois dentre as demais é a única que será apurada por quantidade Vendida/Devolvida.

Por Valor
A apuração das Metas será com base no Valor Total dos Documentos

Por Positivação de Clientes:
Avaliará a quantidade de clientes positivados (vendas efetuadas ) no período correspondente. Para esta opção, haverá a possibilidade de configuração de um Valor Mínimo de Venda para que seja computada a positivação. Quanto ao parâmetro Considerar o mesmo grupo empresarial, quando marcado será considerada somente uma positivação para vendas do mesmo Grupo Empresarial.

Exemplo:

Clientes A e B do mesmo grupo empresarial.
1 Venda para o Cliente A e 1 Venda para o cliente B.
Com o parâmetro marcado: Considera 1 positivação
Com o parâmetro desmarcado: Considera 2 positivações

Atenção! Este parâmetro será comparado de acordo com a Forma de Apuração selecionada, ou seja, se a forma de apuração for por Divisão de Estoque, a soma dos valores totais dos itens das divisões selecionadas deverão atingir o valor mínimo definido da mesma forma que para Produto, Marca e Linha de Produto. Para a forma de apuração Geral, o valor total da venda será comparado.

Quando o Tipo de Meta for Positivação de Clientes, as Formas de Apuração Divisão de Estoque, Produto, Marca e Linha de Produto NÃO terão definição de meta por item, estes apenas determinarão quais itens deverão existir nas vendas efetuadas para caracterizar ou não a positivação, o Valor da Meta será definido automaticamente, baseando-se pela carteira de Clientes de cada Agente de Vendas selecionado para a Meta / Campanha.

Por Peso:
A apuração da Meta será com base no Peso dos Produtos vendidos. Após a seleção deste tipo de meta ainda será possível a definição por quais dos pesos (Bruto / Líquido) o Relatório de Metas será apurado. 
Atenção! Os pesos serão apurados com base na Unidade padrão de Saída.

Esta opção tem como objetivo apresentar uma Análise gerencial referente ao Faturamento e Margem de Lucro Líquido da(s) organização(ões). Os valores aqui gerados, devem coincidir com o Relatório Analítico/Sintético localizado no módulo Gestão de Vendas.

Atenção: Este conjunto de dados demonstra o Produto conforme a Unidade de Medida. A nomenclatura padrão segue como: Código do Produto – Descrição do Produto –  UN.
Exemplo: 
101 – Produto Teste – UN
101 – Produto Teste – CX

Movimentos Considerados

Movimentos de Entradas
9 – Devolução de Venda (NF)
10 – Devolução de Venda (NF-e) 
11 – Devolução de Venda (Sem Emissão) 
12 – Nota Fiscal de Ajuste (Sem Emissão)

Movimentos de Saídas
104 – Venda (NF) 
105 – Venda (NF-e)
106 – Venda (ECF) 
111 – Retorno Ind. p/ Encomenda (NF-e) 
117 – Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e)
118 – Nota Fiscal Consumidor Eletrônica (NFC-e)
122 – NFS Telecomunicações
123 – NFS Comunicação
126 – Cupom Fiscal Eletrônico (CF-e)
129 – Outros Documentos Fiscais (NF)

Dicionário de Campos:
Data: Data da emissão do documento.
Valor Total: O valor considerado em todos os relatórios de Vendas é sempre o Valor Total da Nota, sendo este: O valor líquido acrescido do ICMS Substituição Tributária, IPI e Outros Valores.
Outros Valores: O valor de outros valores.
Valor de Líquido: O valor bruto deduzindo-se os descontos.
Valor de Lucro: O valor de lucro é gravado no momento da gravação do movimento dentro do SIA ERP.

Esta opção tem como objetivo apresentar uma Análise gerencial referente a Quantidade dos Produtos faturados.

Atenção: Este conjunto de dados demonstra o Produto conforme a Unidade de Medida. A nomenclatura padrão segue como: Código do Produto – Descrição do Produto –  UN.
Exemplo:
101 – Produto Teste – UN
101 – Produto Teste – CX

Movimentos Considerados

Movimentos de Entradas
9 – Devolução de Venda (NF)
10 – Devolução de Venda (NF-e) 
11 – Devolução de Venda (Sem Emissão) 
12 – Nota Fiscal de Ajuste (Sem Emissão)

Movimentos de Saídas
104 – Venda (NF) 
105 – Venda (NF-e)
106 – Venda (ECF) 
111 – Retorno Ind. p/ Encomenda (NF-e) 
117 – Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e)
118 – Nota Fiscal Consumidor Eletrônica (NFC-e)
122 – NFS Telecomunicações
123 – NFS Comunicação
126 – Cupom Fiscal Eletrônico (CF-e)
129 – Outros Documentos Fiscais (NF)

Dicionário de Campos:
Data: Data da emissão do documento.
Quantidade de Vendas: A quantidade apresentada refere-se a Quantidade vendida de cada unidade de medida dos Produtos.

Esta opção tem como objetivo apresentar uma Análise gerencial referente ao Peso Líquido dos Produtos faturados.

Atenção: Este conjunto de dados demonstra o Produto conforme a Unidade de Medida. A nomenclatura padrão segue como: Código do Produto – Descrição do Produto –  UN.
Exemplo:
101 – Produto Teste – UN
101 – Produto Teste – CX

Movimentos Considerados

Movimentos de Entradas
9 – Devolução de Venda (NF)
10 – Devolução de Venda (NF-e) 
11 – Devolução de Venda (Sem Emissão) 
12 – Nota Fiscal de Ajuste (Sem Emissão)

Movimentos de Saídas
104 – Venda (NF) 
105 – Venda (NF-e)
106 – Venda (ECF) 
111 – Retorno Ind. p/ Encomenda (NF-e) 
117 – Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e)
118 – Nota Fiscal Consumidor Eletrônica (NFC-e)
122 – NFS Telecomunicações
123 – NFS Comunicação
126 – Cupom Fiscal Eletrônico (CF-e)
129 – Outros Documentos Fiscais (NF)

Dicionário de Campos:
Data: Data da emissão do documento.
Peso Líquido: Peso Líquido (Informado no cadastro do Produto) * Quantidade no Movimento.
Peso Bruto: Peso Bruto (Informado no cadastro do Produto) * Quantidade no Movimento.

Esta opção tem como objetivo apresentar uma Análise gerencial referente a Quantidade e Valores dos Pedidos de Vendas gerados pelo SIA ERP. Além disto, este conjunto de dados conta com uma análise de periodicidade de abertura dos Pedidos de Vendas, possibilitando os gestores tomarem iniciativas e análises preditivas diante de informações.

Dicionário de Campos:
Data de Inclusão: Data de Inclusão do Pedido de Venda​, os campos de Ano e Mês obedecem este campo, visto que o objetivo principal deste conjunto de dados é Analisar a Periodicidade de Abertura dos Pedidos de Venda.
Período da Madrugada: Dás 24:00 até ás 6:00.
Período da Manhã: Dás 6:00 até ás 12:00. 
Período da Tarde: Dás 12:00 até ás 18:00.
Período da Noite: Dás 18:00 até ás 23:59.

Esta opção tem como objetivo apresentar uma Análise gerencial referente aos Movimentos de Orçamentos de Vendas.

Dicionário de Campos:
Data de Inclusão: Data de Inclusão do Orçamento de Venda, os campos de Ano e Mês obedecem este campo, visto que o objetivo principal deste conjunto de dados é Analisar a Periodicidade de Abertura dos Orçamentos de Venda.
Data de Emissão:
Data de Emissão do Orçamento de Venda, este campo foi implementado para que o usuário possa efetuar um comparativo com o Relatório de Posição de Pedidos (Parâmetro de Movimentos de Orçamentos), localizado no módulo Gestão de Vendas.
Realizados: Todos os Orçamentos de Vendas realizados, independente de status comercial ou financeiro.
Enviados: Todos os Orçamentos de Vendas que foram enviados e-mail, a data obedecida para filtro é sempre a Data de Inclusão ou Data de Emissão do Orçamento e nunca a data de envio do e-mail.
Cancelados: Todos os Orçamentos de Vendas que foram cancelados, Status 3 – Cancelado. 
% Sobre Realizados: Realizados (todos os Orçamentos de Vendas realizados) * 100 / Enviados (todos os Orçamentos de Vendas que foram enviados e-mail)
Valor em Negociação: Demonstra o Valor total dos Orçamentos que foram enviados e-mail e que o Status seja 1 – Em Orçamento.
Aprovados: Todos Orçamentos que passaram para a fase de Pedidos de Vendas.
% de Eficiência: Aprovados * 100 / Aprovados + Cancelados. 
Faturados: Todos os Orçamentos que passaram para a fase de Pedidos de Vendas. e que os Status Comerciais sejam: Faturado Parcial (2), Faturado Total (3) e  Faturado Parcial e Cancelado (4).

Esta opção tem como objetivo apresentar uma Análise gerencial referente a Quantidade e Valor dos movimentos de Entradas no SIA ERP.

Movimentos de Entradas considerados:
1 – Entrada
6 – Despesa

Atenção: Este conjunto de dados demonstra o Produto conforme a Unidade de Medida. A nomenclatura padrão segue como: Código do Produto – Descrição do Produto –  UN.

Exemplo: 
101 – Produto Teste – UN
101 – Produto Teste – CX

Dicionário de Campos:
Data: Data da emissão do documento.

Relatório de Análise de Inadimplência no Período
Este gráfico demonstra o percentual de inadimplência no último dia de cada mês do intervalo informado pelo usuário, independente de terem sidos pagos em períodos subsequentes.
Percentual de Inadimplência no Período = (A * 100) * B
A => Saldo total de títulos com vencimento em dentro de cada mês do período e não recebido até o último dia de cada mês.
B => Valor total dos títulos com vencimento dentro de cada mês do período.

Relatório de Análise de Inadimplência no Atual
Este gráfico demonstra o percentual de inadimplência no último dia de cada mês do intervalo informado pelo usuário, considerando inclusive os recebimentos em períodos subsequentes.
Percentual de Inadimplência no Atual = (A * 100) * B
A => Saldo total e atual de títulos com vencimento dentro de cada mês do período (considerando recebimentos em outros meses).
B => Valor total dos títulos com vencimento dentro de cada mês do período.

Relatório de Análise de Clientes Inadimplentes
Este relatório demonstra os valores idem ao relatório de “Relatório de Análise de Inadimplência no Atual”, contudo, apresenta um agrupamento e filtro por Cliente, tornando a análise do usuário mais prática e intuitiva.

Relatório de Prazo Médio de Atraso
Este gráfico demonstra a evolução mensal do prazo médio de atraso. O prazo médio de atraso é o somatório da diferença entre a data do RECEBIMENTO e a data de VENCIMENTO de uma parcela, dividido pelo número de parcelas recebidas em atraso no período informado, no caso da parcela ter sido recebida em atraso. Também deve-se considerar as parcelas vencidas e não recebidas. Neste caso o somatório é a diferença entre a DATA FINAL informada pelo usuário e a data de VENCIMENTO, dividido pelo número de parcelas vencidas e não recebidas no final do período. Como a evolução é mensal, o sistema acumula mensalmente as médias de acordo com o número de meses informado pelo usuário.

Relatório de Prazo Médio de Recebimento
Este gráfico demonstra a evolução mensal do prazo médio de recebimento. O prazo médio de recebimento é o somatório da diferença entre a data de recebimento e a data da emissão de uma parcela, dividido pelo número de parcelas recebidas no período. Como a evolução é mensal, o sistema acumula mensalmente as médias de acordo com o número de meses informado pelo usuário.

Este conjunto de dados tem como objetivo demonstrar aos gestores indicadores básicos da área de RH que grande parte dos gestores não tem conhecimento sobre sua empresa, entre eles, temos % de Funcionários por Idade, % por Sexo, % por Grau de Escolaridade, % por tempo de empresa e entre outros.

Estra opção demonstra a Análise de Indicadores Econômicos e Financeiros, para maiores informações sugerimos acessar o Módulo Contábil no SIA ERP, e verificar o Help das opções:

  • Cadastros / Indicadores Econômicos e Financeiros / Tipos de Indicadores
  • Cadastros / Indicadores Econômicos e Financeiros / Configuração de Fórmula
  • Relatórios / Indicadores Econômicos e Financeiros / Geração
  • Relatórios / Indicadores Econômicos e Financeiros / Consulta

Esta opção tem como objetivo apresentar uma Análise gerencial referente a Quantidade de Atendimentos abertos pelo SIA ERP. Além disto, este conjunto de dados conta com uma análise de periodicidade de abertura de Atendimentos, possibilitando os gestores tomarem iniciativas e análises preditivas diante destas informações.

Documentação Microsoft

System Desenvolvimento de Software LTDA é Parceira Oficial da Microsoft

Rolar para cima